//
você está lendo...
Biblos

Fontes de informação on line em Arquivologia: uma avaliação métrica

OLIVEIRA, Ely Francina T. de; FERREIRA, Karen Eloise. Fontes de informação on line em Arquivologia: uma avaliação métrica. Biblos, Rio Grande, v. 23, n. 2, p. 69-76, 2009. Disponível em: <http://www.seer.furg.br/ojs/index.php/biblos/article/view/1302/589>. Acesso em: 19 jan. 2011.

Resumo
O conhecimento é elemento fundamental na sobrevivência das espécies. A informação é necessária para formar o conhecimento que constrói a ciência. Esse fluxo beneficia os que produzem informação, bem como aqueles que a consomem. Não basta apenas pesquisar para se ter um novo domínio e conhecimento, é fundamental a publicação e validação pela comunidade científica. A ampla exposição das informações ao julgamento da comunidade é necessária para que a informação seja disseminada, exercendo assim sua principal função, que é de produzir conhecimento. A comunicação científica é importante indicador do desenvolvimento de uma área do conhecimento, pois possibilita a verificação e análise da comunidade na qual foi realizada. Por essa razão, o processo de atividade científica é dependente de um intrincado sistema de comunicação eficaz, que compreende canais formais e informais, que são utilizados tanto para comunicar os resultados obtidos como para informar os resultados alcançados por outros pesquisadores. Assim, toda pesquisa envolve atividades diversas de comunicação e disseminação. As informações publicadas variam de formatos, suporte e função. Podem ser veiculadas por meio impresso ou meio eletrônico, quer sejam artigos, livros, atas, conferências e revistas. O objetivo desta pesquisa é levantar as fontes de informação por meio eletrônico, através da  Internet, os  sites que têm revistas eletrônicas que publicam textos, artigos, teses, dissertações, projetos e trabalhos de pesquisa de estudiosos na área de Arquivologia. Considerando a informática como um fator fundamental no processo de recuperação da informação e a grande quantidade de  informações abrangidas pela Internet, muitas vezes há dificuldade de localização de uma fonte específica, mesmo porque o meio eletrônico possui um espaço ilimitado de disponibilizar informação, não existindo limite para se pesquisar, publicar, buscar, criar e adicionar. Assim, justifica-se o desenvolvimento deste projeto que pretende facilitar o acesso a essas fontes no meio eletrônico. O procedimento de pesquisa será qualitativo e quantitativo, descritivo e analítico. Como instrumentos de análise para essas fontes de informação, serão utilizadas a avaliação métrica, através de indicadores quantitativos, e a análise qualitativa. Espera-se que com esta pesquisa os pesquisadores e estudiosos possam encontrar informações de forma mais rápida, fácil e adequada na área de Arquivologia, otimizando assim a construção do conhecimento, ainda recente na área.

Palavras-chave: Fontes de informação em Arquivologia. Avaliação métrica. Webometria.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Artigos separados por assunto

Aplicações de informação Arquitetura de informação Automação de bibliotecas Bases de dados Bibliometria / Informetria/ Cientometria / Webmetria Biblioteca escolar Bibliotecas Virtuais e Digitais Biblioteconomia Biblioterapia Catalogação Classificação Competência informacional Comportamento informacional Comunicação científica Comunicação mediada por computador Desenvolvimento de coleções Disseminação da informação Divulgação científica Economia da informação Educação à distância Epistemologia da Ciência da Informação Estudos de necessidades e usos de informação Estudos de usuários Estudos Interdisciplinares Fontes de informação Formação Profissional Fundamentos da Ciência da Informação Gestão da Informação Gestão de Qualidade de Informação Gestão do Conhecimento História da Ciência da Informação Inclusão digital Indexação Informação científica Informação em arquivos Informação em Arte Informação em bibliotecas Informação em museus Informação industrial Informação tecnológica Inteligência Competitiva Internet Internet/Web Leitura Marketing de informação Mediação da informação Metadados Metodologias da Ciência da Informação Mineração de dados Obras Raras Ontologia Organização do Conhecimento Organização e Processamento da Informação Políticas de informação Preservação e Segurança digital Processamento automático de linguagem Redes e Sistemas de informação Repositórios institucionais Representação da Informação Sistemas de recuperação da informação Tecnologias da Informação Teoria da Informação Tesauros Transferência de Informação Visualização da informação Vocabulários controlados Ética da informação Ética na informação

Arquivos

%d blogueiros gostam disto: