//
você está lendo...
Perspectivas em Gestão & Conhecimento

Colaboração científica: revisando vertentes na literatura em Ciência da Informação no Brasil

BUFREM, Leilah Santiago. Colaboração científica: revisando vertentes na literatura em Ciência da Informação no Brasil. Tendências da Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação, Brasília, v. 3, n. 1, p. -26, jan./dez. 2010. Disponível em: <http://inseer.ibict.br/ancib/index.php/tpbci/article/view/25/55>. Acesso em: 04 ago. 2012.

Resumo

Revisão de literatura sobre colaboração científica na área da Ciência da Informação (CI), com o objetivo de destacar as configurações do cenário mais amplo desse recorte e dos desdobramentos temáticos imbricados na literatura sobre a área, como alvos de discussões e debates. Inicialmente exploratória, centrada em artigos e comunicações e em obras de cunho ensaístico ou didático, a pesquisa, em sua segunda etapa, volta-se especificamente à literatura periódica nacional, veículo por excelência da produção científica especializada, autorizada e atualizada. O elemento central condicionante da escolha do corpus da análise de conteúdo é a existência da Base Brasileira de Periódicos em Ciência da Informação (BRAPCI), cujo potencial de difusão e recuperação permite a identificação da mais significativa expressão da literatura sobre colaboração científica. Os textos recuperados na literatura geral internacional e nacional e na base BRAPCI são analisados e categorizados em quatro vertentes: co-autoria como indicador da colaboração científica; redes de colaboração científica; tecnologias e colaboração cientifica e políticas de fomento e incentivo à colaboração. Com suporte conceitual favorecido pelos autores componentes do quadro teórico, o estudo permitiu observar que o tema específico desdobra-se na literatura em grau variado de intensidade em relação às vertentes, de acordo com a época, os acontecimentos e o recorte que se atribui à pesquisa. Ressalta a importância da crítica à prática, no sentido de que sejam analisadas as disposições políticas implícitas ou explícitas nas investigações, as relações entre essas e a tecnologia e a formação de redes de co-autoria.

Palavras-chave: Colaboração científica. Co-autoria. Redes de colaboração científica. Política científica.

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Artigos separados por assunto

Aplicações de informação Arquitetura de informação Automação de bibliotecas Bases de dados Bibliometria / Informetria/ Cientometria / Webmetria Biblioteca escolar Bibliotecas Virtuais e Digitais Biblioteconomia Biblioterapia Catalogação Classificação Competência informacional Comportamento informacional Comunicação científica Comunicação mediada por computador Desenvolvimento de coleções Disseminação da informação Divulgação científica Economia da informação Educação à distância Epistemologia da Ciência da Informação Estudos de necessidades e usos de informação Estudos de usuários Estudos Interdisciplinares Fontes de informação Formação Profissional Fundamentos da Ciência da Informação Gestão da Informação Gestão de Qualidade de Informação Gestão do Conhecimento História da Ciência da Informação Inclusão digital Indexação Informação científica Informação em arquivos Informação em Arte Informação em bibliotecas Informação em museus Informação industrial Informação tecnológica Inteligência Competitiva Internet Internet/Web Leitura Marketing de informação Mediação da informação Metadados Metodologias da Ciência da Informação Mineração de dados Obras Raras Ontologia Organização do Conhecimento Organização e Processamento da Informação Políticas de informação Preservação e Segurança digital Processamento automático de linguagem Redes e Sistemas de informação Repositórios institucionais Representação da Informação Sistemas de recuperação da informação Tecnologias da Informação Teoria da Informação Tesauros Transferência de Informação Visualização da informação Vocabulários controlados Ética da informação Ética na informação

Arquivos

%d blogueiros gostam disto: