//
você está lendo...
Informação & Sociedade: Estudos

Trajetória do Programa de Iniciação Científica da UFSC no período de 1990 a 2010

COSTA, Airton et al.. Trajetória do Programa de Iniciação Científica da UFSC no período de 1990 a 2010. Inf. & Soc.:Est., João Pessoa, v.22, n.3, p.103-111, set./dez.. 2012. Disponível em: < http://www.ies.ufpb.br/ojs2/index.php/ies/article/view/12225 >. Acesso em: 27 maio 2013.

Resumo:
Analisa a eficiência do Programa de Iniciação Científica da Universidade Federal de Santa catarina (UFSC) e o desempenho do professor orientador no processo de formação de pesquisadores. A equipe de pesquisa foi formada por bolsistas e orientadores (PIBIC) nas áreas de Administração, Ciências Contábeis, Economia, Direito e Engenharia de Produção (cursos de: Engenharia de Produção Civil, Engenharia de Produção Mecânica e Engenharia de Produção Elétrica) no período de 1990 a 2010. Buscou-se na Plataforma Lattes do CNPq o currículo dos egressos para: identificar características da formação acadêmica e do progresso através da continuidade acadêmica dos egressos das bolsas de iniciação científica. Os resultados mostram quais os cursos com maior número de bolsistas e sinalizam que um número significativo de egressos continuaram a vida acadêmica (Mestrado, Doutorado, Pós-Doutorado). No que diz respeito ao desempenho dos orientadores de iniciação científica, cerca da metade dos docentes fizeram parte da preparação dos bolsistas para a Pós-Graduação, ou seja, orientaram alunos que hoje possuem titulação acadêmica(Mestre, Doutor).

Palavras-chave: Graduação – Formação de pesquisadores. CNPq – Programa de Iniciação científica. CNPq – Currículo Lattes. UFPB – Programa de Iniciação científica.

Anúncios

Sobre Laura

Bibliotecária, consumista, casual gamer, colecionadora de boardgames, chata, prolixa, viciada em quebra-cabeças e jogos que ninguém gosta ;)

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Artigos separados por assunto

Aplicações de informação Arquitetura de informação Automação de bibliotecas Bases de dados Bibliometria / Informetria/ Cientometria / Webmetria Biblioteca escolar Bibliotecas Virtuais e Digitais Biblioteconomia Biblioterapia Catalogação Classificação Competência informacional Comportamento informacional Comunicação científica Comunicação mediada por computador Desenvolvimento de coleções Disseminação da informação Divulgação científica Economia da informação Educação à distância Epistemologia da Ciência da Informação Estudos de necessidades e usos de informação Estudos de usuários Estudos Interdisciplinares Fontes de informação Formação Profissional Fundamentos da Ciência da Informação Gestão da Informação Gestão de Qualidade de Informação Gestão do Conhecimento História da Ciência da Informação Inclusão digital Indexação Informação científica Informação em arquivos Informação em Arte Informação em bibliotecas Informação em museus Informação industrial Informação tecnológica Inteligência Competitiva Internet Internet/Web Leitura Marketing de informação Mediação da informação Metadados Metodologias da Ciência da Informação Mineração de dados Obras Raras Ontologia Organização do Conhecimento Organização e Processamento da Informação Políticas de informação Preservação e Segurança digital Processamento automático de linguagem Redes e Sistemas de informação Repositórios institucionais Representação da Informação Sistemas de recuperação da informação Tecnologias da Informação Teoria da Informação Tesauros Transferência de Informação Visualização da informação Vocabulários controlados Ética da informação Ética na informação

Arquivos

%d blogueiros gostam disto: