//
você está lendo...
Múltiplos Olhares em Ciência da Informação

O bibliotecário como arquiteto da informação: os desafios e as novas abordagens no hodierno Contexto

SANTOS, Raimunda Fernanda dos; SILVA, Eliane Ferreira da. O bibliotecário como arquiteto da informação: os desafios e as novas abordagens no hodierno Contexto. Múltiplos Olhares em Ciência da Informação, v. 3, n. 2, 2013. Disponível em: <http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/moci/article/view/2116/1316 >. Acesso em: 19 fev. 2015.

Resumo
Estuda a Arquitetura da Informação e a organização da memória documental em ambiente digital. Analisa o contexto biblioteconômico e suas práticas de gestão da informação com vistas a prestar serviços de qualidade na organização de sistemas de preservação e difusão do patrimônio histórico da sociedade. Aponta algumas das relações entre memória e tecnologia ao longo da história da humanidade. Objetiva identificar a importância do profissional da informação como Arquiteto da Informação na estruturação de websites visando à qualidade da disponibilidade e encontrabilidade do patrimônio histórico em meio digital, a fim de possibilitar a garantia do acesso às gerações futuras. Utiliza como metodologia pesquisas bibliográficas e eletrônicas que subsidiaram o desenvolvimento da pesquisa. Aborda também a reflexão de que os sistemas de preservação e difusão da memória digital devem ser ergonômicos atuando através de serviços com mecanismos de descrição arquivística e interface de fácil acesso para que o usuário possa ter uma navegação estrutural com tecnologia assistiva que visa a e-acessibilidade. Menciona a importância das informações primitivas serem disponíveis em infovias a fim de reunir os acervos documentais que comprovem a veracidade dos fatos. Conclui relacionando o papel biblioteconômico em prol da boa ergonomia da Arquitetura da Informação na perspectiva de serviços intuitivos que promovam acessibilidade. Enfatiza ainda a necessidade de ampliar os estudos sobre a interação homem-computador (IHC). Dessa forma, poderá ser bem sucedido o desempenho geral de sistemas de informação de difusão da memória documental na web com vistas à prestação de serviços informacionais de qualidade.

Palavras-chave: Gestão da Informação. Memória Documental. Arquitetura da Informação.

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Artigos separados por assunto

Aplicações de informação Arquitetura de informação Automação de bibliotecas Bases de dados Bibliometria / Informetria/ Cientometria / Webmetria Biblioteca escolar Bibliotecas Virtuais e Digitais Biblioteconomia Biblioterapia Catalogação Classificação Competência informacional Comportamento informacional Comunicação científica Comunicação mediada por computador Desenvolvimento de coleções Disseminação da informação Divulgação científica Economia da informação Educação à distância Epistemologia da Ciência da Informação Estudos de necessidades e usos de informação Estudos de usuários Estudos Interdisciplinares Fontes de informação Formação Profissional Fundamentos da Ciência da Informação Gestão da Informação Gestão de Qualidade de Informação Gestão do Conhecimento História da Ciência da Informação Inclusão digital Indexação Informação científica Informação em arquivos Informação em Arte Informação em bibliotecas Informação em museus Informação industrial Informação tecnológica Inteligência Competitiva Internet Internet/Web Leitura Marketing de informação Mediação da informação Metadados Metodologias da Ciência da Informação Mineração de dados Obras Raras Ontologia Organização do Conhecimento Organização e Processamento da Informação Políticas de informação Preservação e Segurança digital Processamento automático de linguagem Redes e Sistemas de informação Repositórios institucionais Representação da Informação Sistemas de recuperação da informação Tecnologias da Informação Teoria da Informação Tesauros Transferência de Informação Visualização da informação Vocabulários controlados Ética da informação Ética na informação

Arquivos

%d blogueiros gostam disto: